Exercícios para quem tem escoliose e dor na coluna vertebral




A dor na coluna devido a escoliose ocorre devido à pressão nos discos intervertebrais, gerada pela curvatura da coluna. Além disso, o desalinhamento dos ossos da espinha podem causar pressão, ou estiramento dos nervos vertebrais, gerando grande sensibilidade à dor.

Além da dor nas costas, quando existe a pressão nervosa, o paciente tende a sentir, inclusive, dores nas pernas, dificuldade para caminhar, além de outras sensações nos membros inferiores. A pressão dos nervos, causada pelo desalinhamento da coluna, gera a estenose espinhal.

A doença, além das dores nas pernas, pode causar formigamento, sensação de peso nas pernas, bem como fraqueza e dormência nas nádegas e pernas.

Outro fator que favorece a dor nas costas é o fato de que a escoliose pode causar certa tensão nos músculos da região. Com isso, eles ficam rígidos e doloridos. Isso ocorre de forma mais acentuada quanto maior é o grau de curvatura da coluna.


Exercícios

Existem diversos exercícios indicados para quem tem escoliose, justamente porque fortalecem a musculatura da coluna e do abdômen e não pioram a curvatura.

Dentre esses exercícios, o Pilates é bastante indicado, pois permite melhorar a flexibilidade, sem causar maiores danos às vértebras.

Além deles, existem outros exercícios que podem ser realizados para quem tem escoliose, com o objetivo de fortalecer a musculatura e aliviar a dor.

A seguir, descrevemos 3 exercícios simples que podem ser feitos para aliviar a dor e que auxiliam o fortalecimento da musculatura.

1 – Aviãozinho

Mantenha-se em pé. Em seguida, flexione o tronco para frente, com os braços abertos na direção dos ombros e uma perna elevada para trás. Mantenha o equilíbrio, ficando na posição por pelo menos 20 segundos.
Depois, faça o mesmo movimento para o outro lado, com a outra perna.

2 – Prancha Lateral

Exercício excelente de fortalecimento do abdômen. Deite-se de lado, deixando um cotovelo abaixo do ombro. A seguir, eleve o quadril, mantendo o braço de cima elevado. Fique na posição por 10 segundos e depois repita com o outro lado.

3 – Perdigueiro

Exercício que trabalha a coordenação e a musculatura. Fique na posição denominada de 4 apoios e eleve um braço e a perna oposta. Mantenha a posição por alguns segundos e depois execute com o lado contrário, sempre elevando o braço e a perna oposta.

Além disso, é sempre importante fazer alongamentos, que podem ser feitos deitados de costas, abraçando as pernas e esticando pernas e quadril. Os alongamentos são importantes porque auxiliam a relaxar a musculatura contraída, o que melhora o quadro de dor.

0 comentários: