Atuação da Fisioterapia na Reabilitação Cardíaca



A fisioterapia na reabilitação cardíaca tem papel fundamental no tratamento de doenças como insuficiência cardíaca, infarto do miocárdio, doenças coronarianas e valvares, cardiopatias congênitas e doenças artérias venosas. O tratamento é realizado após uma avaliação clínica/funcional. Exercícios são prescritos e monitorados de acordo com a individualidade de cada paciente.

A Fisioterapia Cardiológica está relacionada à prevenção e ao tratamento das doenças cardíacas através do exercício físico, proporcionando uma série de benefícios como:

  • Melhora na capacidade funcional
  • Redução de fatores de risco
  • Redução dos sintomas
  • Melhora na qualidade de vida e detecção precoce de sinais
  • Sintomas que antecedem importantes complicações e descompensações.

A Reabilitação Cardíaca tem sido recomendada para pacientes após infarto agudo do miocárdio e após cirurgia de revascularização do miocárdio, pós-operatório de cirurgias cardíacas, insuficiência cardíaca crônica, pré e pós transplante cardíaco, intervenções percutâneas do miocárdio, doenças valvares e doença arterial periférica.

O trabalho do fisioterapeuta consiste, antes de tudo, em evitar a progressão da doença a partir de um programa de exercícios personalizados, além de minimizar possíveis sequelas, como no caso de pacientes que sofreram infarto.

O atendimento home care (em domicílio) é uma forte tendência no ramo da fisioterapia, independentemente da especialidade. Mas, no caso da Fisioterapia Cardiovascular, esse tipo de atendimento, além de mais flexível, também poderá ser necessário. Isso porque, em algumas situações de pós-operatório, o paciente fica impossibilitado de se deslocar até a clínica ou consultório para ser atendido.

0 comentários: